Estudo de George Avelino e Arthur Fisch sobre financiamentos de campanha confronta a ideia de competitividade eleitoral no Brasil

CEPESP  |  23 de maio de 2018
COMPARTILHE

Em artigo para o jornal Valor Econômico, Maria Cristina Fernandes abordou o estudo “Money, Elections and Candidates” (“Dinheiro, Eleições e Candidatos”) de George Avelino e Arthur Fisch, respectivamente coordenador e pesquisador do Cepesp. A pesquisa mostra o impacto do financiamento na redução de competitividade eleitoral no país e confronta a tese de que no Brasil as eleições são competitivas. Avelino e Fisch avaliam que os candidatos que tem reais chances de ocupar cargos políticos são os beneficiados pelos maiores valores de doações de fundos eleitorais, o que dificulta o fortalecimento de “outsiders” e a renovação da política nacional.

infidelidade parlamentar 5

Maria Cristina trata do assunto contando a experiência de um grupo de ex- alunos de Administração Pública da FGV-SP, que se voluntariou para ajudar na campanha de um jovem político, na cidade de Primavera, em Pernambuco. A iniciativa resultou no documentário “Primavera no Brasil”, que retrata a disputa eleitoral entre nomes políticos tradicionais e um outsider.

Confira matéria completa no site do Valor Econômico

Deixe seu comentário